Futuro sem Cor

by Renegados HC

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
2.
3.
4.
5.
6.
02:21
7.
8.
9.
10.
01:34
11.

credits

released April 30, 2017

tags

license

all rights reserved

about

Renegados HC Vitória Da Conquista, Brazil

contact / help

Contact Renegados HC

Streaming and
Download help

Track Name: A Involução do Homem Macaco
A involução do homem macaco

Chega de papo! Chega de papo!
O homem não veio da evolução do macaco
O macaco que é! O macaco que é!
A evolução do homem
O homem criou o dinheiro
E pelo o dinheiro ele se auto destrói
O macaco mata por sobrevivência
O homem abusa da violência

O macaco vive em sociedade
Entre eles não existe desigualdade
O homem vive na solidão
E por ganância não quer aproximação
A ameaça não está na vida natural

O homem é o novo animal irracional,
Se atirando no buraco da escuridão.
Temos que rever o conceito de “evolução”
Track Name: Deus do Oriente
Deus do Oriente

Toda vez que ligo a TV
O oriente ainda está em erupção
Petróleo, homem bomba e alienação!
Mas que lugar sombrio e infernal!
Que nunca encontram uma solução!
Disputa de poder camuflado em religião
Mutilando seres humanos
Sem nenhuma compaixão!

Ei, seus porcos!

Parem de brincar de deus do oriente!
E libertem os seus irmãos! seus doentes!
Track Name: Morro em Erupção
O morro em erupção

Essa é a realidade
E não é por caridade
Quer sofrer leia o jornal
E comece a passar mal

Pessoas são exterminadas
Sendo vítimas de emboscadas
Tem gente boa ignorada
Nas favelas do Podrão

Sobe morro! desce morro!
Já tá vindo outro caixão!

Por favor! não tenha pena
E nem pense em compaixão!
Esse é apenas o sistema
Que entupiu a tubulação

Sobe morro! desce morro!
Já tá vindo outro caixão!
Sobe morro! desce morro!
Esse é o morro em erupção
Track Name: Futuro sem Cor
Futuro sem cor

Não quero o sistema capitalista
Não quero o sistema socialista
Não quero a política oportunista
Não quero a ordem positivista


Não quero! Não quero!
Não quero! Não quero!

Penso que a razão era duvidosa
Acho que a igualdade era perigosa
Penso que a maçã de Eva era gostosa
Acho que a escola é burra e teimosa

Penso! Penso!
Penso! Penso!

E a opinião do povo também é tirania
Ajuda um bocado de monstro a governar a Bahia
E a resposta renegada é a velha ironia
Abaixo a pobreza, a falsidade e a burguesia.

Abaixo! Abaixo!
Abaixo! Abaixo!

O futuro não tem cor nem alegria
Guerra, império e traição não têm coração
E o punk rock isso denuncia toda essa armação
Que se fodam para sempre, o dinheiro e a repressão

Que se fodam! que se fodam!
Que se fodam! que se fodam!
Track Name: Luiz e Fernandos
Luiz e Fernandos

Olhos não veem
Pobreza sem dentes
Mulheres nas esquinas
População de doentes

Fernandos, Fernandos
Fernandos, Fernandos
Fernandos, Fernandos
Luiz e Fernandos

Vamos bater palmas!
Para os nossos presidentes!


Barrigas que roncam
Jovens desencantam
Lhes dão explicações
Depois seguem os caixões

Fernandos, Fernandos
Fernandos, Fernandos
Fernandos, Fernandos
Luiz e Fernandos

Vamos bater palmas!
Para os nossos presidentes!
Track Name: Meu Ódio
Meu ódio

Hei, hei, hei

Meu ódio é o poder do presidente
Meu ódio é o poder do senado
Meu ódio é o poder do ministro
Meu ódio é o governo do estado

Hei, hei, hei

Detesto o FMI
Porque nunca pensam em mim.
Detesto o primeiro mundo
Porque o seu poder é absurdo
Detesto o programa nuclear
Porque poderá nos matar
Detesto o imperialismo do dólar
Porque nos encurralam a toda hora

Hei, hei, hei

Odeio o prefeito!
Odeio o secretário
Odeio o legislativo
Odeio o judiciário

Hei, hei, hei
Track Name: Acorda Juventude
Acorda juventude

A juventude está calada
Porque tem medo da verdade
Está como máquina velha
Vive em dificuldades

Acorda juventude
Tá na hora de lutar

Jovens desempregados
Botando a culpa no destino
Estão sendo usados
Para novas eleições
Estão sempre amparados
Por mordaças e desilusões

Acorda juventude
Tá na hora de lutar

Não se vendam por tão pouco
Não se deixem enganar
Lutem por uma boa causa
E pela boa educação
Defenda sempre a igualdade
E disso nunca abra mão

Acorda juventude
Tá na hora de lutar
Track Name: O Poder da Palavra
Poder da palavra

As palavras causam...
Guerra, fome, miséria, corrupção.
Elite, tecnologia e revolução.

Guerra, fome, miséria, corrupção. Elites, tecnologia e revolução.

Todas essas coisas dependem de uma ordem de execução,
A palavra tem o poder e é usada como solução,
Para comandar toda essa confusão.

Guerra, fome, miséria, corrupção. Elites, tecnologia e revolução.

Bomba nuclear é acionada se alguém diz: aperte o botão!
Salvar vidas ou causar mortes não importa a situação
Até hoje ninguém sabe se a palavra é o mocinho ou o vilão.

Guerra, fome, miséria, corrupção. Elites, tecnologia e revolução.

Cuidado com o que diz!

Guerra, fome, miséria, corrupção. Elites, tecnologia e revolução.
Track Name: Brasil à Venda
BRASIL A VENDA

Não se deve obedecer
Um país pobre e miserável
Onde até o presidente
Não se mostra confiável

Para agradar aos estrangeiros
Ele começou a anunciar
Que no Brasil tem muito ouro
E quem quiser pode buscar

E só faz uma exigência
Tem que ser tudo camuflado
Trocando o ouro pelos juros
Precisa estar bem mascarado

Veja só, a Amazônia.
Deve valer alguns trocados
Só para agradar aos gringos
Estão vendendo até fiado

Ninguém está mais entendendo
O que está nos engolindo
Mas eu já descobri a farsa
vou falar daquela máscara

E começou a trituração do patrimônio nacional
O traidor recebeu ordens para liquidar o Brasil
Track Name: Tome Atitude
Tome atitude

Punk atitude
Não fala palavrão
Seja mais um babaca que se encaixa e é padrão
Engula um grande sapo
Não abra a boca não
Pois sendo um tapado não vai meter-se em confusão
Seja o que eles querem não o que você é
Agindo dessa forma se consegue ser um mané

Agora dê um basta
Chega de ser objeto
Escape dos seus medos
E passe a ser um cara esperto

Tome atitude

Eles querem te reprimir
Você precisa resistir
Nunca iniba o que disser
Grite o máximo que puder...

Tome atitude
Track Name: Podre Político
Podre político

Palavras são cuspidas
Por homens do poder
Eles não ligam para mim
Nem para você

Genocídio, massacre
Tormento da nação

De suas bocas saem mentiras
Seres mais podres da face terrestre
Sedentos por poder

Mortos de fome
Desnutrição total
Famílias inocentes
Jogadas na multidão

O holocausto no mundo será consagrado
Pelo podre político
Pelo podre político